A História da Arte de Ernst Gombrich

https://amzn.to/3eLPF6S

Vocês costumam ler a introdução de livros??? Pois essa semana eu reli a introdução do livro A História da Arte de Ernst Gombrich e me deparei com uma verdadeira jóia! Vou compartilhar questões que Gombrich pontua na introdução do livro, que é um almanaque da história da arte ocidental

Você já parou pra pensar porque razão gosta mais de uma obra ou de outra? Você tem algum período, movimento preferido dentro da História da Arte? Tem algo do qual você torce o nariz? Algum artista? Alguma obra? Já parou pra pensar no porquê???

Gombrich começa seu livro A História da Arte refletindo sobre essa e outras questões. E pontua que não há nada de errado em gostar do que gostamos. Podemos gostar de um retrato porque ele nos lembra um amigo ou mesmo gostar de uma paisagem porque ela nos traz lembranças boas. Mas diz ainda que não podemos, por exemplo, nos tornar preconceituosos quando voltamos as costas para um quadro com uma cena alpina se não gostamos de praticar alpinismo. 

E afirma: “Existem razões erradas para não se gostar de uma obra de arte”. Você já tinha parado pra pensar nisso? 

Ele ainda diz:

E usa essas duas imagens para exemplificar esse pensamento. Diz que quando Rubens fez o retrato de seu filho, com certeza estava orgulhoso da beleza do garoto e queria que nós também o admirássemos. 
Mas que também essa propensão que temos em admirar um tema bonito pode ser um obstáculo para que possamos enxergar beleza em temas menos sedutores que não sejam um lindo bebê.
Diz que Dürer certamente desenhou a mãe com a mesma devoção e amor que Rubens fez seu menino. Por mais que o artista esteja desenhando um estudo honesto da velhice, e que o rosto não seja tão bonito quanto aquele feito por Rubens, ambas as obras são dignas de apreciação e reconhecidas por sua beleza artística. 

Por esta razão, a beleza de uma obra não reside exclusivamente em seu tema. Podemos enxergar beleza nas rugas da velhice, na pobreza, na miséria e na angústia. Artistas nos presenteiam e nos emocionam o tempo todo com sua visão de mundo sobre os mais diversos temas.

Gombrich lembra que gostos e padrões de beleza variam muito ao longo do tempo. 
Essas e outras questões você encontra no livro A História da Arte de E. H. Gombrich, da editora LTC.

Link afiliado para comprar:

https://amzn.to/3eLPF6S

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: